Mitos sobre chocolate e saúde bucal

Como é tradicional após a Páscoa, ficamos com um estoque reforçado de chocolate para o consumo diário. Logo, devemos ter atenção redobrada na hora de aproveitar todas as guloseimas disponíveis. Por isso separamos alguns mitos sobre o consumo de chocolate com dicas de saúde bucal para que você possa aproveitar sem preocupação, e evitando futuros problemas dentários.

O chocolate causa cárie

O chocolate em si não causa cárie, mas o consumo exagerado de doces sem a higienização correta pode sim trazer malefícios. Então é imprescindível a escovação diária e se possível logo após consumir grandes quantidades de chocolate.

O chocolate escure os dentes

A coloração dentária é determinada pela dentina, que fica logo abaixo do esmalte (que é transparente). Somente quando o esmalte é afetado é que a cor do dente por sofrer alterações. Ou seja, para que seu dente manche ou escureça, é necessários que o esmalte dentário esteja danificado, e o chocolate em si, não tem exerce ação direta de corrosão no esmalte.

Amargo ou ao leite: todos os chocolates prejudicam os dentes

Conforme já falamos não é o chocolate em si que prejudica a saúde bucal, mas sim o seu consumo excessivo aliado a falta de higienização. Entretanto, obviamente quanto mais açúcar no chocolate, mais nocivo ele pode ser ao seus dentes.

Chocolate causa sensibilidade dentária

O que causa sensibilidade nos dentes são cáries, fraturas, desgaste do esmalte dos dentes, retração da gengiva, e não os alimentos em si. Todavia se você possui algum desses sintomas, grandes quantidades de açúcar podem ser um gatilho para a sensibilidade.

O segredo é desfrutar dos chocolates de com moderação e sempre priorizar uma higienização profunda após o consumo de qualquer alimento rico em açúcar. Ações simples do dia a dia podem nos ajudar a prevenir doenças e manter nossa saúde bucal em dia.

Fonte: Notícias ao minuto

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.